A diferença entre diet e light

21/10/2013

Alimentos rotulados como diet e light são comumente encontrados nos lares brasileiros. Mas será que a população realmente sabe o que estas rotulagens querem dizer?

O termo light é designado para alimentos cujo teor de algum nutriente foi reduzido em pelo menos 25% se comparado a um produto similar de referência, que é a versão tradicional deste mesmo alimento. Muitas pessoas entendem que um alimento light é aquele que tem apenas o valor calórico reduzido, e não sabem que este nutriente que intitula um alimento como light pode variar entre açúcar, gordura total, gordura saturada, colesterol ou mesmo sódio, e no caso deste último não implicará em uma redução do valor energético.

O termo diet, que tem sido substituído por termos como “zero”, “não contém”, “livre de” ou “isento de”, é utilizado para alimentos que possuem isenção ou quantidades insignificantes de determinado nutriente, podendo variar entre carboidrato, gordura, proteínas e sódio. Ao contrário do que costuma-­‐se convencionar, nem sempre esse termo se refere ao açúcar e, portanto, não é qualquer alimento diet que é indicado para o consumo de diabéticos. Além disso, também é importante ter conhecimento que o alimento diet pode conter valor calórico igual ou até superior ao produto convencional, pois ao retirar um nutriente e torná-­‐lo diet, pode ser necessário aumentar a quantidade de outro nutriente para manter as características sensoriais do alimento. Por isso, é fundamental ficar atento à finalidade daquele produto, pois nem sempre alimentos diet são indicados para dietas de emagrecimento.

Dica elaborada pela nutricionista:
Luiza Miranda Campos – CRN: 9923

Tags: , ,

Ainda não foram feitos comentários.

Seja o primeiro a dar opinião!

Faça um comentário

Sua opinião é importante para nós!

Comentar